Notí­cias

Tuto­ria 2017

A coor­de­nação de Tuto­ria do depar­ta­mento de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais faz saber que estão aber­tas as inscrições para a pro­grama de Tuto­ria 2017, voltado para alunos do PPGEST.O edi­tal pode ser visto aqui.

Edi­tais de Mon­i­to­ria 2017

A coor­de­nação de Mon­i­to­ria do depar­ta­mento de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais faz saber que estão aber­tas as inscrições para a pro­grama de mon­i­to­ria 2017.

As vagas do con­curso para a mon­i­to­ria estão dis­tribuí­das nos seguintes projetos:

História das Relações Inter­na­cionais (I e II)

Intro­dução e Teo­ria das Relações Inter­na­cionais I

Soci­olo­gia das Relações Inter­na­cionais (I e II)

Econo­mia Política, Intro­dução e Comér­cio Inter­na­cional (I e II)

Teo­ria Política apli­cada às RI (III e IV)

Cada um dos cinco pro­je­tos apre­sen­ta­dos dis­porá de uma vaga remu­ner­ada e outra voluntária.

O período de inscrição vai do dia 22 ao dia 26 de março.
A reunião geral com os can­didatos será real­izada no dia 27, às 13h, no INEST.
As entre­vis­tas serão feitas no dia 28, às 13h, em sala a ser definida.
A prova acon­tece no dia 29, às 13h.

Os inter­es­sa­dos podem aces­sar o edi­tal aqui;

Mon­i­to­ria 2017 — vagas

O Pro­grama de Mon­i­to­ria em Relações Inter­na­cionais con­tará esse ano com cinco vagas remu­ner­adas e out­ras cinco vol­un­tárias. Em breve serão disponi­bi­liza­dos os edi­tais de seleção.

Pro­fes­sores do INEST são pre­mi­a­dos

A pro­fes­sora sub­sti­tuta Francine Rossone teve sua tese pre­mi­ada pela Vir­ginia Tech Uni­ver­sity. Inti­t­u­lada Brazil Comes to the Future: Liv­ing Time and Space in the Inter­na­tional Order of Com­pe­ti­tion, seu tra­balho foi escol­hido como uma das teses destaques de 2016 na cat­e­go­ria Ciên­cias Soci­ais, Humanas, Busi­ness, e Educação.
O pro­fes­sor Gabriel Pas­setti rece­beu o Prêmio Vanni Blengino, por seu artigo Entre a viagem, a escrita e a pub­li­cação do relato, um mar de inter­esses. Argentina, Chile e Nova Zelân­dia com­para­dos pelo britânico Robert FitzRoy na década de 1830.
O prêmio foi ofer­e­cido pela Asso­ci­azione Inter­nazionale AREIA, com sede em Gênova, na Itália, para arti­gos que abor­dassem aspec­tos rel­a­tivos a via­gens e via­jantes na América Latina.

Pub­li­cado pela revista História, da Unesp, o artigo pode ser aces­sado neste link: http://​www​.sci​elo​.br/​p​d​f​/​h​i​s​/​v​32​n​1​/​17​.​p​d​f

ENADE 2016: Curso de Relações Inter­na­cionais recebe nota máx­ima

A grad­u­ação em Relações Inter­na­cionais ofer­e­cida pelo INEST/​UFF tirou nota cinco (máx­ima) no último Exame Nacional de Desem­penho de Estu­dantes (ENADE), sendo a mais alta nota reg­istrada no Estado do Rio de Janeiro e a quarta mel­hor do Brasil.


Ao todo, no Brasil, 101 cur­sos de Relações Inter­na­cionais foram avaliados.

O Insti­tuto Nacional de Estu­dos e Pesquisas Edu­ca­cionais Aní­sio Teix­eira (INEP) divul­gou o resul­tado do ENADE no dia 8 de março. Real­izado em 2015, o ENADE con­tou com 8122 cur­sos de várias áreas.

O Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos e a Coor­de­nação do Curso de Relações Inter­na­cionais con­grat­ulam o corpo dis­cente, o corpo docente e servi­dores técnico-​administrativos pelo exce­lente resultado.

Mon­i­to­ria e Tuto­ria 2017 — novos pra­zos

A coor­de­nação de mon­i­to­ria da PROAC informa que o lança­mento das vagas de mon­i­to­ria foi adi­ado para o dia 15 de março.

Novos docentes no INEST

É com sat­is­fação que o INEST anun­cia a inclusão das pro­fes­so­ras Francine Rossone de Paula, Mar­i­anna Res­tum Anto­nio de Albu­querque e Beat­riz Rodrigues Bessa Mat­tos e do pro­fes­sor Sér­gio Sant´anna no cole­giado do INEST. A pro­fes­sora Francine, doutora em Pen­sa­mento Social, Político, Ético, e Cul­tural pela Vir­ginia Tech Uni­ver­sity, foi aprovada em primeiro lugar no con­curso para pro­fes­sor sub­sti­tuto em Teo­ria das Relações Inter­na­cionais. A pro­fes­sora Mar­i­anna Albu­querque, doutoranda em Ciên­cia Política pelo IESP-​RJ, a pro­fes­sora Beat­riz Mat­tos, doutoranda pelo IRI-​PUC, e o pro­fes­sor Sér­gio Sant´Anna, doutor em Ciên­cia Política pela UFF, vão atuar como docentes colaboradores.

Mon­i­to­ria e Tuto­ria 2017

Foram envi­a­dos para a comis­são da PROGRAD/​UFF os novos planos de mon­i­to­ria e de tuto­ria do curso de Relações Inter­na­cionais. O plano 2017 con­tem­pla 21 dis­ci­plinas da grad­u­ação que estão agru­padas em nove gru­pos, escol­hi­dos por critérios de afinidade. Os exames sele­tivos devem ter iní­cio entre os meses de fevereiro e março. O número de vagas remu­ner­adas e vol­un­tárias dev­erá ser infor­mado pela PRO­GRAD em breve.

Artigo de pesquisador do INEST anal­isa Angola como campo de batalha

O pesquisador Jonuel Gonçalves pub­li­cou na revista Cit­i­zen Stud­ies o artigo Angola as Bat­tle­field, no qual anal­isa a influên­cia das guer­ras para a história e para as difer­entes con­fig­u­rações políti­cas do país. O mate­r­ial pode ser lido nesse link.

Acordo Florida Atlantic Uni­ver­sity e INEST

No dia 23 de janeiro, o prof. Emérito Eurico de Lima Figueiredo (foto), dire­tor do INEST, real­i­zou palestra na Florida Atlantic Uni­ver­sity (FAU). A apre­sen­tação teve como título Brazil: Past, Present and Future, descorti­nando o período com­preen­dido entre 1930 e os dias de hoje, iden­ti­f­i­cando cenários alter­na­tivos para o desen­volvi­mento do país até 2030. No dia ante­rior o pro­fes­sor par­ticipou de almoço com docentes do cole­giado da uni­ver­si­dade no restau­rante dos docentes da uni­ver­si­dade, seguida por reunião com a Chefe do Depar­ta­mento de Ciên­cia Política, Dra. Aimé Arias, o Dr. Steven Roper (Dire­tor Exec­u­tivo, Peace, Jus­tice and Human Rights Ini­tia­tive) e o Dr. Aloy­sio Vas­con­cel­los, (Pres­i­dente, Brazil Inter­na­tional Foun­da­tion). Os entendi­men­tos vis­aram o esta­b­elec­i­mento de um Cen­tro de Estu­dos Brasileiros na FAU e um Cen­tro de Estu­dos Estadunidenses, no INEST. A FAU, com 25 mil alunos, é uma uni­ver­si­dade estatal que fica próx­ima ao con­dado de Broward, local com a maior con­cen­tração de brasileiros nos Esta­dos Unidos.

Acordo IBED-​INEST

Após meses de con­ver­sas e entendi­men­tos entre a Direção do INEST e a Direção do Insti­tuto Brasileiro de Estu­dos da Defesa Pandiá Calógeras (IBED), mem­o­rando de entendi­mento, semel­hante ao já cel­e­brado com o King’ Col­lege do Reino Unido, dev­erá ser fir­mado no mês de fevereiro entre as duas insti­tu­ições. Através dele serão pos­síveis a parce­ria para a real­iza­ção de cur­sos à dis­tân­cia, sem­i­nários e cic­los de palestras, coedições de livros e mono­grafias, entre out­ros obje­tivos de inter­esse comum.

Dire­tor do INEST fará parte do Con­selho Con­sul­tivo do IBED/​MD

O pro­fes­sor Emérito Eurico de Lima Figueiredo foi con­vi­dado pelo min­istro da Defesa Raul Jung­mann para fazer parte do Con­selho Con­sul­tivo do Insti­tuto Brasileiro de Estu­dos da Defesa (Insti­tuto Pandiá Calógeras). Além do dire­tor do INEST, somente mais dois notáveis mere­ce­ram o mesmo con­vite: o ex-​ministro Nel­son Jobim e o embaix­ador Mar­cos Azam­buja. Os out­ros mem­bros têm rep­re­sen­tação insti­tu­cional das três forças, do Estado Maior Con­junto, da ESG, da ABED e da ABIMDE.

INEST recebe coman­dante da Eceme

visita eceme1

Os coro­néis De Fran­cis­cis, Ricardo, os pro­fes­sores Vagner Camilo e Eurico de Lima Figueiredo, o gen­eral Richard e o pro­fes­sor Eduardo Heleno (foto:Thiago Wer­neck Cunha)

No dia 22 de dezem­bro, o INEST rece­beu a visita do coman­dante da Escola de Comando e Estado Maior do Exército, gen­eral Richard Fer­nan­dez Nunes. A comi­tiva, com­posta pelos coro­néis De Fran­cis­cis e Ricardo, foi rece­bida pelo dire­tor do INEST, prof. Eurico de Lima Figueiredo e pelos pro­fes­sores Vagner Camilo Alves e Eduardo Heleno.

visita eceme 2

Prof. Eurico de Lima Figueiredo e o Gen. Richard

O encon­tro foi pau­tado pelas novas opor­tu­nidades de inter­cam­bio e coop­er­ação entre as duas insti­tu­ições de ensino para os próx­i­mos anos.

Pesquisas do PPGEST e do INEST recebem prêmio do Min­istério da Defesa

A doutora Nathalie Tor­reão Ser­rão teve sua pesquisa inti­t­u­lada Indús­tria de defesa, Com­plex­i­dade Econômica e Ino­vação: um estudo do spin-​off baseado em mod­e­lagem fuzzy pre­mi­ada como a mel­hor tese de 2016 no VII Con­curso de Teses e Dis­ser­tações sobre a Defesa Nacional.
Ori­en­tada pelos pro­fes­sores Waldimir Pirró e Longo e Luiz Pedone, a tese de Nathalie Ser­rão foi real­izada no âmbito de coop­er­ação entre o Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Ciên­cia Política (PPGCP-​UFF) e o Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos (PPGEST).
Ser­rão é mestre em Estu­dos Estratégi­cos for­mada na primeira turma do PPGEST.

VII CTMD1

O segundo lugar no cer­tame nacional coube a Car­los Alberto de Moraes Cav­al­canti, doutor tam­bém for­mado no ambito da parce­ria PPGEST-​PPGCP. Sua tese teve como tema O Min­istério da Defesa e o Exército Brasileiro: a con­strução de um rela­ciona­mento (1999 aos dias atu­ais) . A pesquisa foi ori­en­tada pelo pro­fes­sor Eurico de Lima Figueiredo. Cav­al­canti é tenente-​coronel da reserva, asses­sor de dout­rina do Cen­tro Con­junto de Oper­ações de Paz do Brasil (CCOPAB).

Na cat­e­go­ria Mestrado Civil, a dis­ser­tação de Guil­herme Tadeu Berriel da Silva Oliveira, inti­t­u­lada Uma avali­ação dos proces­sos de trans­fer­ên­cia de tec­nolo­gia do PRO­SUB, GUARANI e H-​XBR, foi hon­rada com o ter­ceiro lugar. A dis­ser­tação foi ori­en­tada pelo pro­fes­sor Luiz Pedone. Advo­gado e mestre em Estu­dos Estratégi­cos, Berriel atual­mente faz parte do corpo téc­nico da Marinha.

unnamed 1

A pre­mi­ação foi real­izada no dia 8 de dezem­bro em Brasília e con­tou com a pre­sença do prof. Eurico de Lima Figueiredo, dire­tor do INEST (na foto acima, com Guil­herme Berriel, TCel Cav­al­canti e Nathalie Serrão).

A per­for­mance dos pesquisadores con­sol­ida o INEST como for­mador na acad­e­mia brasileira de massa crítica sobre os assun­tos rela­ciona­dos à Defesa.

VII CTMD

Prêmio René Drei­fuss 2016

No dia 8 de dezem­bro foi a real­izada a entrega do Prêmio René Drei­fuss 2016, ref­er­ente à mel­hor dis­ser­tação de Mestrado defen­dida em 2015 no âmbito do Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos. Esse ano, a Comis­são de Avali­ação, pre­si­dida pelo prof. Renato Petroc­chi e con­sti­tuída pelos pro­fes­sores Jonuel Gonçalves e Már­cio Rocha, decidiu, de forma inédita, pre­miar dois mestres pela excelên­cia das pesquisa apre­sen­tadas. São os seguintes trabalhos:

Profis­sion­al­iza­ção e Edu­cação Mil­i­tar: Um estudo a par­tir da Acad­e­mia Mil­i­tar das Agul­has Negras (AMAN), de auto­ria da mestre Ana Penido de Oliveira. O tra­balho foi ori­en­tado pelo pro­fes­sor Fred­erico Car­los Costa de Sá.

IMG 7266

Ana Penido ao lado dos pro­fes­sores Már­cio Rocha (E) e Renato Petroc­chi (D)

As debil­i­dades da Mar­inha de Guerra Moçam­bi­cana e o prob­lema da inse­gu­rança marí­tima no canal de Moçam­bique, de auto­ria do mestre Ênio Chin­go­tu­ane. A pesquisa foi ori­en­tada pelo pro­fes­sor Adri­ano de Freixo.

IMG 7289

O pro­fes­sor Eduardo Heleno, rep­re­sen­tando o mestre Énio Chin­go­tu­ane, ao lado dos pro­fes­sores Adri­ano de Freixo e Vágner Camilo Alves

A cer­imô­nia de pre­mi­ação foi real­izada na sala homôn­ima ao prêmio e con­tou com a pre­sença de pro­fes­sores do corpo per­ma­nente e de colab­o­radores. A mestre Ana Penido agrade­ceu o recon­hec­i­mento e ressaltou o apoio que teve de seu ori­en­ta­dor e demais docentes do pro­grama não somente para sua pesquisa como tam­bém em relação ao desen­volvi­mento de sua carreira.

O mestre Énio Chin­go­tu­ane, não pode com­pare­cer ao evento e foi rep­re­sen­tado pelo prof. Eduardo Heleno. O docente desta­cou o esforço pes­soal de Ènio, que viera de Moçam­bique ao Brasil no âmbito do Pro­grama PEC-​PG (de apoio à pós-​graduação) e a super­ação de vários obstácu­los que o pesquisador enfren­tou em sua jor­nada no país.

Alunos do INEST par­tic­i­pam de sim­u­lação das Nações Unidas na Aman

Estu­dantes da grad­u­ação em Relações Inter­na­cionais par­tic­i­param, entre os dias 5 e 8 de novem­bro, de uma sim­u­lação das Nações Unidas na Acad­e­mia Mil­i­tar das Agul­has Negras, em Resende.

aman1

A ativi­dade foi orga­ni­zada pela seção de Relações Inter­na­cionais da Aman e teve apoio direto do INEST.

A sim­u­lação teve como resul­tado final uma res­olução para mis­são de paz e deu iní­cio ao exer­cí­cio mil­i­tar real­izado na Aman anual­mente com os cadetes do ter­ceiro e quarto anos.

Ao longo dos qua­tro dias de par­tic­i­pação, alunos do INEST e cadetes da Aman tro­caram exper­iên­cias sobre suas áreas de for­mação.

Con­curso para pro­fes­sor sub­sti­tuto

O depar­ta­mento de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais abriu con­curso para Pro­fes­sor Sub­sti­tuto de Teo­ria das Relações Inter­na­cionais. As inscrições estão aber­tas até o dia 30 de novem­bro. O edi­tal pode ser lido em https://​sis​temas​.uff​.br/​c​p​d​/​p​r​o​c​e​s​s​o​S​e​l​e​t​i​v​o​/​l​i​s​t​a​r​T​o​d​o​s​.​c​p​d

Docentes do INEST par­tic­i­pam do 40º Encon­tro da Anpocs

Real­izado em Cax­ambu, o 40º Encon­tro Asso­ci­ação Nacional de Pesquisa e Pós-​Graduação em Ciên­cias Soci­ais (ANPOCS) con­tou com a pre­sença de qua­tro pro­fes­sores do Insti­tuto de Estu­dos Estratégicos.

O prof. Thi­ago Rodrigues, junto ao prof. Wag­ner de Melo Romão (UNI­CAMP), coor­de­nou o Sim­pó­sio Temático Democ­ra­cia na América Latina. O ST foi divi­dido em três sessões, com apre­sen­tação de pesquisadores de todo o país, além de apre­sen­tação de painéis.

ce637946-9789-4d3c-a90f-f0a9499dc55e

ST Democ­ra­cia na América Latina, com o prof. Thi­ago Rodrigues

Por sua vez, o prof. Eduardo Heleno coor­de­nou o Colóquio Forças Armadas, Estado e Sociedade. O colóquio con­tou com a par­tic­i­pação dos pro­fes­sores Eduardo Svart­man (vice-​coordenador, UFRGS), Delmo Arguel­hes (UNIEURO), Den­ni­son de Oliveira (UFPR), William Mor­eira (EGN), Eurico de Lima Figueiredo e Vagner Camilo Alves (ambos do INEST-​UFF) e foi apre­sen­tado em duas sessões.

08f79ab5-a7e4-4d65-99d4-9bf6c060178c

Delmo Arguel­hes, Vagner Camilo Alves e Eduardo Heleno no colóquio Forças Armadas, Estado e Sociedade

ec3b7909-ca44-4fed-96ff-1bcd8c82080f

Eurico de Lima Figueiredo, Den­ni­son de Oliveira, Eduardo Svart­man e William Moreira

785962ab-461b-428c-87b9-485cde953eb6

Durante o encon­tro tomou posse a nova dire­to­ria da ANPOCS.O Prof. Fabi­ano dos San­tos (no meio da foto), do IESP, assumiu a presidên­cia da enti­dade, lugar que fora ocu­pado pelo prof. José Ricardo Ramalho (à dire­ita) (UFRJ).

Saiba como foi o III Encon­tro Brasileiro de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais

Saiba como foi o III Encon­tro Brasileiro de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais
O III EBERI, real­izado entre os dias 17 e 20 de out­ubro, reuniu pesquisadores de uni­ver­si­dades, acad­e­mias e esco­las de altos estu­dos mil­itares do Brasil e do exte­rior. Sep­a­ramos os destaques do evento.


No dia 17
O dire­tor do Insti­tuto Pandiá Calógeras, Demétrio de Oliveira, par­ticipou da aber­tura do III EBERI. Sua exposição teve como tema as ações afir­ma­ti­vas para uma Política de Defesa Nacional. Em sua fala, Oliveira desta­cou mudanças no min­istério da Defesa em espe­cial a cri­ação do Insti­tuto Brasileiro de Estu­dos de Defesa — Pandiá Calógeras. Assi­nalou, entre out­ras ações afir­ma­ti­vas, a cri­ação da car­reira de anal­ista de Defesa no min­istério e a for­mação de um Pro­grama e Pós-​Graduação em Econo­mia da Defesa, com cur­sos de mestrado e doutorado, a serem real­iza­dos por meio de uma parce­ria entre o Insti­tuto e a Uni­ver­si­dade de Brasília. Além disso, fez refer­ên­cia a real­iza­ção de sem­i­nários em todo o Brasil sobre temas de Estu­dos Estratégi­cos em coop­er­ação com enti­dades acadêmi­cas e out­ros setores da sociedade civil, já a par­tir do fim deste ano.

IMG 6628

Demétrio Oliveira e a aluna Daiane Letícia

A palestra de aber­tura do EBERI foi pro­ferida pelo pro­fes­sor Eliézer Rizzo de Oliveira, da UNI­CAMP. Sua exposição apre­sen­tou os Desafios Atu­ais em Segu­rança e Defesa Nacional. Um dos aspec­tos ressalta­dos por Oliveira foi a per­cepção de inse­gu­rança nas grandes cidades, dev­ido às exper­iên­cias vivi­das e próx­i­mas rela­cionadas com a vio­lên­cia, seja ela crim­i­nal ou política.

IMG 6604

Os pro­fes­sores Eurico de Lima Figueiredo e Thomas Heye

Dia 18
O segundo dia do EBERI foi ini­ci­ado com os gru­pos de tra­balho (GTs) Geopolítica e Estu­dos Estratégi­cos (coor­de­nado pelo prof. André Varella), História Mil­i­tar (prof. Gabriel Pas­setti), Segu­rança Inter­na­cional (prof. Renato Petrochi).

1580190

GT de Geopolítica


Tam­bém tiveram iní­cio na manhã do dia 18 os mini-​cursos, com duração de três dias, apre­sen­ta­dos por pesquisadores con­vi­da­dos. Foram eles: a questão de gênero nas Forças Armadas (prof. Paulo Pereira, profª. Andrea Costa e profª. Clau­dia Antunes — UNIFA), o ter­ror­ismo no século XXI (prof. Mau­rí­cio Bruno de Sá), o Dire­ito Inter­na­cional e as Relações Inter­na­cionais (prof. Edson Medeiros Branco Luiz – Uni­granrio) e o nacional­ismo no mundo con­tem­porâ­neo (prof. Helid Raphael).
Fechando a primeira parte da jor­nada, houve o debate Desafios e Pro­gra­mas de Coop­er­ação em Defesa Brasil e Sué­cia, coor­de­nado pelo prof. Luiz Pedone e com par­tic­i­pação dos pro­fes­sores sue­cos Ulf Ham­mas­tröm (SAAB), Evert Vedung (Upsalla Uni­ver­sity), dos pro­fes­sores brasileiros Mau­rí­cio Pazini Brandão (ITA) e Mar­cos Bar­bi­eri (UNICAMP)

.IMG 6805

Os pro­fes­sores Gabriel Pas­setti, Marcelo Gullo, Beat­riz Bís­sio e Mon­ica Bruckmann

A tarde do dia 18 começou com a mesa Questões Políti­cas e Estratég­i­cas Con­tem­porâneas na América do Sul, com­posta pela pro­fes­sora uruguaia Beat­riz Bis­sio, a docente peru­ana Mon­ica Bruck­mann (ambas da UFRJ) e o pro­fes­sor argentino Marcelo Gullo (Uni­ver­si­dade de Lanús). A mod­er­ação coube ao prof. Gabriel Pas­setti.
Ao mesmo tempo teve iní­cio a 3ª Reunião de Coor­de­nadores e Rep­re­sen­tantes de Pro­gra­mas e Lin­has de Pesquisas em Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais. Rep­re­sen­taram o INEST e o PPGEST os pro­fes­sores Eurico de Lima Figueiredo, Eduardo Heleno e Már­cio Rocha. A Escola de Guerra Naval foi rep­re­sen­tada pela prof. Sab­rina Medeiros e a Uni­ver­si­dade da Força Aérea pelo prof. Paulo Pereira Leite.
Ao final da tarde, tiveram espaço os GTs Relações Civis e Mil­itares no Brasil Con­tem­porâ­neo (prof. Fred­erico Car­los de Sá Costa), Políti­cas Públi­cas de Defesa (prof. Luiz Pedone), Indús­tria de Defesa (prof. Alex Jobim), Segu­rança Inter­na­cional (prof. Vitélio Brus­tolin) e Guer­ras Africanas no Século XXI (prof. Jonuel Gonçalves).


Dia 19
A pro­gra­mação da manhã do ter­ceiro dia do EBERI con­tou com os GTs Geopolítica e Estu­dos Estratégi­cos (prof. André Varella), Teo­ria Política dos Estu­dos Estratégi­cos (prof. Vic­tor Lean­dro Chaves Gomes) e Soci­olo­gia Mil­i­tar (prof. Eduardo Heleno).
A ativi­dade foi seguida da mesa redonda Desafios e Pro­gra­mas de Coop­er­ação em Defesa Brasil e França. Mod­er­ada pelo prof. Alex Jobim, a mesa foi com­posta pelos pro­fes­sores Eduardo Brick (UFF-​Defesa), Leonam dos San­tos Guimarães (USP) e Marc Luchini, rep­re­sen­tante do grupo francês DCNS.


A jor­nada ves­per­tina começou com a mesa redonda comem­o­ra­tiva dos 30 anos de ativi­dades do Núcleo de Estu­dos Estratégi­cos da UFF. Mod­er­ado pelo prof. Thomas Heye, o debate con­tou com os relatos do prof. Eurico de Lima Figueiredo (fun­dador, junto ao prof. René Drei­fuss, do NEST) e do prof. Eduardo Brick.

IMG 7027

Prof. Marcelo Gullo, aluna Ingrid Motta e o prof. Eurico de Lima Figueiredo


Logo após, o prof. Marcelo Gullo, da Uni­ver­si­dade de Lanús, pale­strou na con­fer­ên­cia Teo­ria das Relações Inter­na­cionais: a neces­si­dade de uma per­spec­tiva crítica desde a per­ife­ria sulamer­i­cana.
Simul­tane­a­mente, foi real­izada a reunião téc­nica com equipes de pesquisadores do Brasil e da Sué­cia que avaliaram pro­je­tos rela­ciona­dos a políti­cas públi­cas de Defesa Nacional.
Fechando a pro­gra­mação do dia 19, teve iní­cio o mini-​curso Ciên­cia Tec­nolo­gia, Ino­vação e Defesa (prof. William Mor­eira, EGN) e foram apre­sen­ta­dos os GTs Cibernética, Defesa e Relações Inter­na­cionais (prof. Mar­cio Rocha), Econo­mia Política das Relações Inter­na­cionais (prof. Fer­nando Roberto), Teo­ria Política (prof. Thomas Heye) e Política Externa Brasileira (prof. Adri­ano de Freixo).


Dia 20
A manhã do último dia do EBERI con­tou com os cinco mini-​cursos e com os GTs História Mil­i­tar (prof. Gabriel Pas­setti) e Segu­rança Inter­na­cional (prof. Gabriel Pas­setti). As ativi­dades tiveram prossegui­mento com a mesa redonda A Coop­er­ação Civil-​Militar no Desen­volvi­mento do Pen­sa­mento Estratégico Brasileiro. Mod­er­ada pelo prof. Eurico de Lima Figueiredo, o debate con­tou a par­tic­i­pação do almi­rante Álvaro Mon­teiro, do Cen­tro de Estu­dos Estratégi­cos da Escola de Guerra Naval, do gen­eral João César Zam­bão da Silva, da Escola Supe­rior de Guerra, do brigadeiro Tirre Freire, da Uni­ver­si­dade da Força Aérea e do gen­eral Sér­gio Almeida, da Escola de Comando e Estado Maior do Exército.

IMG 7234a

Profs. Theoto­nio dos San­tos, Eurico de Lima Figueiredo e a aluna Luana Roque


O III EBERI encer­rou sua longa lista de ativi­dades com a con­fer­ên­cia Estu­dos Estratégi­cos e Segu­rança Inter­na­cional: questões atu­ais, min­istrada pelo prof. Theotônio dos San­tos Junior (UFF/​UERJ).

Pro­gra­mação do III EBERI

Veja aqui a pro­gra­mação do III EBERI. Encon­tro acon­tece entre os dias 17 e 21 de out­ubro, no Cam­pus do Gragoatá.

eberi programação

Debate sobre o gov­erno Temer

Será real­izado no dia 13 de out­ubro o debate Para onde vai o gov­erno Temer? Política, econo­mia e política externa.

O evento conta com a pre­sença com os debate­dores Felipe Kezen (Economia-​UERJ), Guil­herme Simões Reis (Ciên­cia Política — UNIRIO), Mon­ica Leite Lessa (Relações Inter­na­cionais — UERJ). A mod­er­ação será feita pelo prof. Thi­ago Rodrigues. As inscrições podem ser feitas no link https://​goo​.gl/​f​o​r​m​s​/​v​I​Z​I​i​N​L​C​1​z​E​66​q​c​t​1

Untitled-53

Reunião semes­tral trouxe novi­dades aos alunos do INEST

No dia 4 de out­ubro, o INEST real­i­zou mais uma reunião semes­tral. O encon­tro teve como obje­tivo mostrar os princí­pios e val­ores que regem o INEST, apre­sen­tar o tra­balho real­izado pelos docentes e fun­cionários e expor as notí­cias de inter­esse à comu­nidade acadêmica.

 MG 6635

A apre­sen­tação do Insti­tuto foi con­duzida pelo prof. Eurico de Lima Figueiredo. O dire­tor do INEST ressaltou a importân­cia dos val­ores insti­tu­cionais como a amizade, a com­pet­i­tivi­dade pos­i­tiva, o sen­ti­mento de per­tenci­mento à Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense e de respeito à coisa pública.

Após sua fala, os demais pro­fes­sores que com­pun­ham a mesa se apre­sen­taram. Vagner Camilo Alves, coor­de­nador da Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos, falou sobre o mestrado. Thi­ago Rodrigues, chefe de Depar­ta­mento, con­ver­sou sobre as atribuições de sua chefia. Már­cio Rocha, coor­de­nador do Núcleo de Estu­dos Estratégi­cos Avançado, citou os even­tos orga­ni­za­dos pelo NEA, enfa­ti­zando o III Encon­tro Brasileiro de Relações Inter­na­cionais e Estu­dos Estratégi­cos (III EBERI), que terá iní­cio em out­ubro; Fer­nando Roberto, vice coor­de­nador de grad­u­ação, ressaltou o próx­imo encon­tro da Ini­cia­tiva Latino-​Americana de Dire­ito, Sociedade e Cul­tura a ser real­izado no próx­imo ano.

 MG 6655

Logo os pro­fes­sores da mesa falarem, o pro­fes­sor Evert Vedung, da Uni­ver­si­dade de Esto­colmo se apre­sen­tou aos alunos. Ele veio ao Brasil para min­is­trar junto ao prof. Luis Pedone , pela quarta vez, o curso de Avali­ação de Política Pub­li­cas de Defesa.

Os demais docentes do INEST tam­bém se apre­sen­taram ao público. Alex Jobim, Eduardo Heleno, Fred­erico Car­los, Gabriel Pas­setti, Jonuel Gonçalves, João Rafael Moraes, Luiz Pedone, Renato Petrochi, Vic­tor Chaves Gomes e Vitélio Brus­tolin, mostraram resum­i­da­mente o rol das ativi­dades de ensino, pesquisa e exten­são que participam.

Ao final da reunião, o pro­fes­sor Eurico de Lima Figueiredo anun­ciou que o Insti­tuto terá em breve a sua dis­posição, todo o pré­dio onde fun­ciona sua sede, no Cam­pus do Val­onguinho. Com isso, algu­mas deman­das do corpo dis­cente, entre elas, a existên­cia de uma sala para uso do Cen­tro Acadêmico, será pos­si­bil­i­tada. Encer­rando o encon­tro, ele aproveitou a ocasião para hom­e­nagear os fun­cionários e colab­o­radores que apoiam as ativi­dades do INEST.

O encon­tro desse período se deu Bloco G com auditório lotado. Mais de 190 pes­soas, entre docentes, dis­centes e fun­cionários estiveram no local.

Reunião semes­tral do INEST2016.2

No dia 4 de out­ubro, às 10:30h. o Insti­tuto de estu­dos Estratégi­cos realizará a sua reunião ref­er­ente ao segundo semes­tre de 2016. Inscrições podem ser feitas no link https://​goo​.gl/​f​o​r​m​s​/​2​A​s​n​n​i​n​o​B​T​s​L​l​j​D​52

banner Reunião Semestral

Aula Magna do INEST será min­istrada por Luis Fer­nan­des

A Aula Magna do Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos será min­istrada pelo prof. Luis Manoel Rebelo Fernandes.

“Entre Tran­sições e Rup­turas: o Brasil e a Ordem Mundial no Século XXI” é o título da palestra que será real­izada no auditório do bloco O do Cam­pus do Gragoatá, no dia 29 de setem­bro, às 11h.

Pro­fes­sor do IRI-​PUC e da UFRJ, Luis Fer­nan­des já ocupou alguns dos mais impor­tantes car­gos na área de pesquisa do Rio de Janeiro e do Brasil.

Entre eles, podemos destacar a direção da Fun­dação de Amparo à Pesquisa do Rio de Janeiro (FAPERJ), a secretaria-​geral do Min­istério da Ciên­cia, Tec­nolo­gia e Ino­vação e a presidên­cia, em duas ocasiões, da Finan­ciadora de Estu­dos e Pro­je­tos (FINEP).

Luis Fer­nan­des tam­bém foi Secretário-​Executivo do Min­istério dos Esportes.

Para se inscr­ever, basta clicar na figura abaixo.

Cartaz Aula Magna

PPGEST divulga edi­tal de seleção da turma de Mestrado 2017

ppgest2017

O Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos (PPGEST) divul­gou o edi­tal para seleção da turma 2017 do Mestrado em Estu­dos Estratégicos.

As inscrições começam no dia 26 de setem­bro e ter­mi­nam no dia 14 de outubro.

O edi­tal pode ser aces­sado aqui ou no site do PPGEST.

Mon­i­to­ria — Lista de can­didatos para a entre­vista

A Coor­de­nação de Mon­i­to­ria e Tuto­ria do Depar­ta­mento de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais faz saber a lista de can­didatos sele­ciona­dos para a entre­vista do exame de monitoria:

JULIA FER­RATO PIRES

VIC­TOR POUGY MAGALHÃES

As entre­vis­tas serão real­izadas às 13h, na sala René Drei­fuss do Insti­tuto de Estu­dos Estratégicos.

Edi­tal de Mon­i­to­ria — Teo­rias das Relações Inter­na­cionais

A Coor­de­nação de Mon­i­to­ria divulga o edi­tal para o Con­curso de Mon­i­to­ria do pro­jeto DEIA Analítica e Teo­ria das Relações Internacionais.

A (o) can­di­data (o) aprovada (o) irá lecionar como mon­i­tor, a critério da coor­de­nação de curso, em uma das três dis­ci­plinas rela­cionadas às Teo­rias das Relações Inter­na­cionais (I, II e III).

As inscrições vão até o dia 4 de setem­bro. Os exames serão feitos nos dias 5 e 6.

Doc­u­men­tos relacionados

Edi­tal do Con­curso de Mon­i­to­ria — Teo­rias das Relações Internacionais.

Sem­i­nário mudanças no Brasil e na Argentina

O Núcleo de Estu­dos Estratégi­cos Avança­dos (NEA) apre­senta na tarde do dia 15 de setem­bro o Sem­i­nário Mudanças Políti­cas no Brasil e na Argentina. O evento, a ser real­izado no bloco G do Cam­pus do Gragoatá, conta com os pro­fes­sores Lean­dro Gav­ião (PPGH-​Uerj), Miriam Saraiva (PPGRI-​UERJ), Marcelo Gullo (Univ. Lanús e ESG-​Argentina), Sér­gio Sant´anna (IAB), Fred­erico Car­los Costa de Sá (INESTUFF) e Vic­tor Lean­dro Chaves Gomes (INEST-​UFF). A mod­er­ação é do pro­fes­sor Fer­nando Roberto Fre­itas de Almeida (INEST-​UFF).
Atu­al­iza­ção: As inscrições podem ser feitas no link https://​goo​.gl/​f​o​r​m​s​/​V​2​P​M​9​X​f​l​Z​P​R​E​0​o​K​G​3

14079737 10210151667139132 5254713052475387808 n

Debate sobre o Acordo de Paz na Colom­bia

No dia 8 de setem­bro, às 14h, o Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos fará um debate sobre o Acordo de Paz entre o gov­erno colom­biano e as FARC. O evento acon­tece no auditório do bloco O do Cam­pus do Gragoatá e terá a par­tic­i­pação dos pro­fes­sores Diogo Dario (UFRJ), Flavia Sei­del (PPGEST-​UFF), Jonuel Gonçalves (INEST-​UFF), Thi­ago Rodrigues (INEST-​UFF) e a mod­er­ação do pro­fes­sor Gabriel Pas­setti (INEST-​UFF). Inscrições gra­tu­itas em https://​goo​.gl/​f​o​r​m​s​/​y​h​U​43​z​q​E​R​N​q​e​5​E​N​02


Cartaz Acordo de Paz

III Encon­tro Brasileiro de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais

O Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos da Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense (INEST/​UFF) pro­moverá, no período de 17 a 20 de out­ubro de 2016, o III Encon­tro Brasileiro de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais (EBERI III).

O EBERI III tem o obje­tivo de estim­u­lar e con­tribuir para o for­t­alec­i­mento dos estu­dos, pesquisas e debates sobre temas rela­ciona­dos aos Estu­dos Estratégi­cos, à Defesa e à Segu­rança Inter­na­cional.

O público alvo do Encon­tro será con­sti­tuído por pro­fes­sores, pesquisadores, alunos de Pós-​Graduação e de Grad­u­ação da UFF, das demais Uni­ver­si­dades e Insti­tu­ições de Ensino Supe­rior, estando aberto, tam­bém, para ouvintes e inter­es­sa­dos nos assun­tos que serão apre­sen­ta­dos e debati­dos.

As prin­ci­pais ativi­dades a serem desen­volvi­das serão: Con­fer­en­cias; Mesas Redonda; Comu­ni­cações em 14 Gru­pos de Tra­balho (GT); 4 Mini Cur­sos; e Apre­sen­tações de Pôsteres.

Infor­mações sobre o EBERI III podem ser vis­tas em

www​.encon​troinest​.com ou O endereço de e-​mail address está sendo pro­te­gido de spam­bots. Você pre­cisa ati­var o JavaScript enabled para vê-​lo.

EBERI2016 v

Debate de Con­jun­tura — A crise na Turquia

O Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos real­iza nessa sexta, no bloco O, o debate de con­jun­tura sobre a crise turca.
A profª. Monique Sochaczewski, da Escola de Comando e Estado Maior do Exército (ECEME) é a con­vi­dada para falar do assunto.
A mesa con­tará com os pro­fes­sores Gabriel Pas­setti e Jonuel Gonçalves.
Inscrições podem ser feitas em http://​goo​.gl/​f​o​r​m​s​/​O​2​P​U​K​x​s​4​o​3​q​I​m​p​Z​h​1

Cartaz Turquia leve

Reunião semes­tral do INEST2016.1

No dia 11 de julho será real­izada a Reunião Semes­tral do INEST.

O encon­tro acon­tece às 11h no auditório do bloco G (Cam­pus do Gragoatá).

As inscrições devem ser feitas no link abaixo.
Reunião Semestral

Debate de Con­jun­tura: O Brexit e seus efeitos nas Relações Inter­na­cionais

Inscrições podem ser feitas no hiper­link, no por­tal de even­tos do INEST ou cli­cando na figura abaixo.
Cartaz Brexit

Mini Curso Mídia e Relações Inter­na­cionais

Para fazer a pré-​inscrição, basta clicar na figura abaixo.

Cartaz Argolo

Lança­mento de livro e debate

No dia 16 de junho, às 10:30h, no auditório do bloco G, no Cam­pus do Gragoatá, haverá o lança­mento do livro Man­i­fes­tações no Brasil: As Ruas em dis­puta. A obra é orga­ni­zada pelo pro­fes­sor Adri­ano de Freixo e conta com arti­gos dos pro­fes­sores Thi­ago Rodrigues, Acá­cio Augusto (Uni­ver­si­dade de Vila Velha) e Alexan­dre Fortes (Uni­ver­si­dade Fed­eral Rural do Rio de Janeiro). Além dos autores do livro, par­tic­i­parão de debate sobre a crise política a pro­fes­sora Mar­i­ana Kalil (UnB e UFF) e o del­e­gado da Polí­cia Civil do Rio Orlando Zaccone.

Nota de pesar

É com pesar e tris­teza que o Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos da UFF comu­nica o falec­i­mento do Pro­fes­sor Doutor José Car­los Albano do Amarante.

Mil­i­tar de car­reira, o Prof. Ama­rante alcançou o posto de gen­eral de divisão, destacando-​se sem­pre nas esco­las cas­trenses. Como acadêmico, teve for­mação uni­ver­sitária no Insti­tuto Mil­i­tar de Engen­haria, na área de Engen­haria Química (1971). Em 1974, con­cluiu seu mestrado em Engen­haria Química na COPPE-​UFRJ. Entre 1975 e 1976, atuou como pro­fes­sor colab­o­rador da UFF, na área de Cinética Química. Em 1978, con­cluiu novo mestrado, em Engen­haria Mecânica, pela Stan­ford Uni­ver­sity. No ano seguinte, rece­beu o título de doutor em Aeronáu­tica e Astronáu­tica pela mesma universidade.

Dos vários car­gos que exerceu, cabe lem­brar que, entre 1997 e 2001, foi reitor do Insti­tuto Mil­i­tar de Engen­haria. Nos dois anos seguintes, foi asses­sor do min­istro da Defesa. Entre 2003 e 2005, pre­sidiu a Indus­tria de Mate­r­ial Bélico do Brasil, a IMBEL.

Em 2007, nos ter­mos do edi­tal Pró-​Defesa, o Prof. Ama­rante pas­sou a fazer parte do Núcleo de Estu­dos Estratégi­cos da UFF. Em 2008 se tornou pro­fes­sor colab­o­rador do Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos (PPGEST). Nos últi­mos anos, além de atuar como colab­o­rador no PPGEST, vinha real­izando estu­dos na área de desen­volvi­mento nacional para o Insti­tuto de Pesquisa Econômica Apli­cada (IPEA).

Ao longo da bem suce­dida vida mil­i­tar e acadêmica, o prof. Ama­rante rece­beu mais de vinte con­dec­o­rações, hon­rarias e dis­tinções. Sua con­tribuição à ciên­cia foi recon­hecida no Brasil e no exte­rior. Em 2002, foi sele­cionado para fazer parte da lista de „Out­stand­ing Intel­lec­tu­als of the 21st Cen­tury” pelo „Inter­na­tional Bio­graph­i­cal Cen­ter” (Cam­bridge, Reino Unido) e tam­bém como „Great Mind of the 21st Cen­tury pelo „Amer­i­can Bio­graph­i­cal Insti­tute” (Esta­dos Unidos). Em 2012, foi agra­ci­ado com o título de pro­fes­sor Emérito da Escola de Comando e Estado Maior do Exército (Eceme).

A direção do INEST, em honra de sua memória, dec­reta luto de três dias.

Pro­fes­sores do INEST visi­tam a Acad­e­mia Mil­i­tar das Agul­has Negras

Entre os dias 1º e 2 de junho os pro­fes­sores Eurico de Lima Figueiredo, Vágner Camilo Alves, Eduardo Heleno, Mar­cio Rocha, Fer­nando Athayde Reis e o fun­cionário Thi­ago Cunha vis­i­taram a Acad­e­mia Mil­i­tar das Agul­has Negras, em Resende.

A comi­tiva do INEST foi rece­bida pelos coro­néis João Paulo Da Cás,Luiz Emílio Da Cás (R1), Edson Gomes Lopes (R1), pelos tenentes-​coronéis Denis de Miranda, Ever­ton Araújo dos San­tos (R1) e pelos majores Ger­aldo Gar­cia e Welling­ton Fer­reira Gomes, ofi­ci­ais inte­grantes da Divisão de Ensino da Aman.

reunião

A visita teve como obje­tivo esta­b­ele­cer estu­dos e con­vênios que pos­sam ser feitos entre as duas insti­tu­ições de ensino em áreas rela­cionadas aos estu­dos estratégi­cos. Ao longo de dois dias os docentes do INEST e da AMAN apre­sen­taram pro­je­tos de ensino e pesquisa, e tro­caram exper­iên­cias sobre gestão acadêmica.

elf

O pro­fes­sor Eurico de Lima Figueiredo, dire­tor do INEST, foi hom­e­nageado pelos ofi­ci­ais ao ser con­vi­dado para fazer uma fotografia assi­nando o livro Índios do Brasil, de auto­ria de seu pai, gen­eral Lima Figueiredo, na Bib­lioteca Marechal José Pessoa.

vg1

O pro­fes­sor Vagner Camilo Alves, coor­de­nador do Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos, tam­bém foi hom­e­nageado. Ele auto­grafou na Bib­lioteca Coro­nel Nei Paulo Panizutti um exem­plar de seu livro O Brasil na Segunda Guerra Mundial.

todos

Da esquerda para a dire­ita: majores Welling­ton e Luz, tenentes-​coronéis Evér­ton e Denis, pro­fes­sores Fer­nando Athayde, Eduardo Heleno, Eurico de Lima Figueiredo, Vágner Camilo Alves, Már­cio Rocha, fun­cionário Thi­ago Cunha e major Gar­cia. (foto: divulgação-​Aman)

Lená Menezes min­is­tra Aula Inau­gural

O Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos real­i­zou nessa terça a Aula Inau­gural do primeiro semes­tre de 2016 da grad­u­ação em Relações Inter­na­cionais . A palestra foi pro­ferida pela prof. Lená Medeiros de Menezes, Tit­u­lar da Uni­ver­si­dade do Estado do Rio de Janeiro.

IMG 5368

A solenidade, pre­si­dida pelo prof. Eurico de Lima Figueiredo, con­tou com par­tic­i­pação na mesa dos pro­fes­sores Adri­ano de Freixo e Fer­nando Roberto de Fre­itas Almeida, e a pre­sença maciça de alunos do curso.

aIMG 5376

Em sua fala, Lená abor­dou ini­cial­mente a mudança que houve em relação à par­tic­i­pação das mul­heres em impor­tantes áreas da sociedade e os desafios ainda vigentes. Ela prosseguiu sua palestra ded­i­cando espe­cial atenção à questão de gênero e à inserção das mul­heres na “cenografia” das Relações Inter­na­cionais, que inclui os cír­cu­los da alta política e dos proces­sos decisórios.

aIMG 5387 1

Prof. Eurico de Lima Figueiredo, as alu­nas Laisa Guedes e Isis Araújo entregam um buquê de flo­res à prof. Lená

Ao final de sua fala, Lená rece­beu uma hom­e­nagem do Insti­tuto por sua con­tribuição, real­izada ao longo de mais de 30 anos de car­reira, para a con­sol­i­dação da área de Relações Inter­na­cionais no Estado do Rio de Janeiro e em todo Brasil. Antes de encer­rar sua apre­sen­tação, ela agrade­ceu emo­cionada a recepção feita pelo INEST, sendo aplau­dida de pé pelos presentes.

Ter­ceiro dia do Sim­pó­sio Dois Sécu­los de Relações Inter­amer­i­canas

Texto: Raquel Araújo de Jesus; Fotos: Mar­i­ana Guimarães e Urias Fernandes

Na tarde desta terça-​feira, 18 de maio de 2016, ocor­reu o ter­ceiro e último dia do Sim­pó­sio Inter­na­cional “Dois Sécu­los de Relações Inter­amer­i­canas”, no auditório do “Bloco E” da Uni­ver­si­dade Fed­eral Fluminense.

IMG 5236

A primeira Mesa Redonda, sob a coor­de­nação do Prof. Dr. Eduardo Heleno (INEST-​UFF), abor­dou o tema “Forças Armadas e Sociedade no século XXI”. O Prof. Dr. Celso Cas­tro, do CPDOC da Fun­dação Getúlio Var­gas, tra­tou sobre “A Amazô­nia no pen­sa­mento dos Mil­itares Brasileiros”. Cas­tro falou sobre a cen­tral­i­dade da região no imag­inário do Exército Brasileiro, prin­ci­pal­mente a par­tir da década de 1990. O Prof. Dr. Paulo Cunha, da Uni­ver­si­dade Estad­ual Paulista, abor­dou a temática “Mil­itares e a Sociedade na América Latina” e falou sobre tran­sição e democ­ra­cia no Brasil, Uruguai, Argentina e Chile. Na sequên­cia, o Prof. Dr. João Roberto Mar­tins Filho, da Uni­ver­si­dade Fed­eral de São Car­los, tra­tou sobre “As relações entre civis e mil­itares no Brasil” e a par­tic­i­pação dos mil­itares na política durante o período republicano.

IMG 5268

A segunda Mesa Redonda foi coor­de­nada pelo Prof. Dr. Vite­lio Mar­cos Brus­tolin (INEST-​UFF) e teve como tema “Mil­itares e a Defesa Inter­amer­i­cana no século XXI”. O Prof. Dr. Mar­cos José Bar­bi­eri Fer­reira, da Uni­ver­si­dade Estad­ual de Camp­inas, apre­sen­tou como temática a ser dis­cu­tida “A inserção da Base Indus­trial de Defesa Brasileira no con­texto inter­amer­i­cano no século XXI” abor­dando questões como gas­tos orça­men­tários em defesa na América e no mundo e pos­si­bil­i­dades de inte­gração inter­amer­i­cana em matéria de defesa. O Prof. Ms. Eduardo Oighen­stein Loureiro, da Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense, trouxe como tema “O Brasil e o processo de lid­er­ança regional: o poder nacional e a pro­jeção inter­na­cional no pro­grama KC-​390” anal­isando a relevân­cia do pro­jeto empreen­dido pela EMBRAER na pro­jeção inter­na­cional do Brasil. Pos­te­ri­or­mente, o Embaix­ador Addor Neto, à con­vite do Prof. Dr. Vite­lio Mar­cos Brus­tolin, fazendo menção ao provér­bio latino Si vis pacem, para bel­lum, falou sobre a importân­cia da temática de Defesa Nacional no mundo contemporâneo.

Para encer­rar as ativi­dades do Sim­pó­sio, o Prof. Dr. Gabriel Pas­setti (INEST-​UFF) agrade­ceu o apoio insti­tu­cional da CAPES, da Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense, do Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos, da Fac­ul­dade de Econo­mia, do Pro­grama de Pós-​Graduação em Estu­dos Estratégi­cos, e dos demais pro­fes­sores e estu­dantes na real­iza­ção do evento que teve como intu­ito não ape­nas cel­e­brar os duzen­tos anos de relações inter­amer­i­canas, como tam­bém apre­sen­tar difer­entes for­mas de se pen­sar esta mesma questão. Em seguida, o Prof. Dr. Emérito Eurico de Lima Figueiredo, Dire­tor do Insti­tuto, agrade­ceu ao Prof. Pas­setti pelo esforço empreen­dido na real­iza­ção do evento e dis­cur­sou sobre o com­pro­misso que a comu­nidade acadêmica tem com o país.

Segundo dia do Sim­pó­sio Dois Sécu­los de Relações Inter­amer­i­canas

Texto: Pedro Maués; Fotos: Mar­i­ana Guimarães e Urias Fernandes

O segundo dia do Sim­pó­sio Inter­na­cional Dois Sécu­los de Relações Inter­amer­i­canas começou com a mesa “O Brasil e as Améri­cas”, sob a coor­de­nação do Prof. Dr. Gabriel Pas­setti. O Prof. Dr. Luís Cláu­dio Vil­lafañe Gomes San­tos, do Insti­tuto Histórico e Geográ­fico Brasileiro, apre­sen­tou a comu­ni­cação “A con­strução do con­ceito de América do Sul pela diplo­ma­cia brasileira”, na qual fez um panorama do que a diplo­ma­cia brasileira tem enten­dido por “América do Sul”, do século XIX aos dias atu­ais. Em seguida, o Prof. Dr. Fran­cisco Dora­tioto, da Uni­ver­si­dade de Brasília, dis­cor­reu sobre a evolução da política brasileira na região do Rio do Prata, do Primeiro Reinado até o iní­cio do período repub­li­cano, em “A política do Brasil para o Rio da Prata no século XIX”.

IMG 5122

Luis Cláu­dio Vil­lafañe Gomes San­tos, Gabriel Pas­setti e Fran­cisco Doratioto.

A segunda mesa do dia foi coor­de­nada pelo Prof. Dr. Adri­ano de Freixo, e teve como tema “Relações inter­amer­i­canas no século XX”. O Prof. Dr. Alexan­dre Fortes, da Uni­ver­si­dade Fed­eral Rural do Rio de Janeiro, abriu a mesa com “A visão norte-​americana sobre a política tra­bal­hista brasileira durante a Segunda Guerra Mundial”, apre­sen­tando uma inves­ti­gação sobre a importân­cia estratég­ica do Brasil para os EUA na Segunda Guerra Mundial e seus efeitos na visão norteam­er­i­cana sobre a questão tra­bal­hista no Brasil. Na sequên­cia, Profa. Ms. Juliana Gagliardi de Araujo, da UFF, con­tribuiu com uma per­spec­tiva das Comu­ni­cações Soci­ais em “Imprensa em rede na América Latina: a Sociedade Inter­amer­i­cana de Imprensa e o Grupo de Diários América”, uma pesquisa sobre dois obje­tos pouco estu­da­dos, a Sociedade Inter­amer­i­cana de Imprensa (SIP), e o Grupo de Diários América (GDA), e seus papéis em deter­mi­na­dos pro­je­tos políti­cos de atores latino-​americanos e estadunidenses. Por fim, tive­mos a comu­ni­cação “Encon­tros e des­en­con­tros nas relações Brasil-​Argentina”, na qual a Profa. Dra. Miriam Gomes Saraiva, da Uni­ver­si­dade do Estado do Rio de Janeiro, nos apre­sen­tou uma visão panorâmica das relações entre Brasil e Argentina ao longo do século XX.

IMG 5147

Juliana Gagliardi, Adri­ano de Freixo, Alexan­dre Fortes e Miriam Gomes Saraiva

A jor­nada do Sim­pó­sio foi encer­rada com a con­fer­ên­cia “O Con­gresso do Panamá e os ensaios da união latino-​americana no século XIX”, do Prof. Dr. Ger­mán A. de la Reza, da Uni­ver­si­dad Autónoma Met­ro­pol­i­tana, no Méx­ico, na qual o pro­fes­sor fez uma análise histórica dos pro­je­tos de inte­gração entre os Esta­dos da América Latina a par­tir das independências.

IMG 5162

Ger­man de La Reza



O Sim­pó­sio, orga­ni­zado pelo Prof. Gabriel Pas­setti, conta com o apoio da Capes.

Pres­i­dente da ANPOCS visita o INEST

O pro­fes­sor doutor José Ricardo Ramalho, atual pres­i­dente da Asso­ci­ação Nacional de Pós Grad­u­ação e Pesquisa em Ciên­cias Soci­ais (ANPOCS), vis­i­tou o Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos (INEST) no dia 16 de fevereiro. Cien­tista político e pro­fes­sor tit­u­lar de Soci­olo­gia da UFRJ, Ramalho foi rece­bido pelo dire­tor do Insti­tuto, pro­fes­sor Eurico de Lima Figueiredo e demais docentes do INEST.
WP 20160216 17 25 48 Pro
Pro­fes­sores Eurico de Lima Figueiredo e José Ricardo Ramalho
Entre os diver­sos temas debati­dos no encon­tro, estavam pon­tos de aprox­i­mação em pesquisas da ANPOCS e do INEST.
WP 20160216 17 28 47 Pro
Pro­fes­sores e pesquisadores do INEST e o prof. José Ricardo Ramalho.

INEST orga­niza evento sobre os dois sécu­los de relações inter­amer­i­canas

Texto: Ricardo Freire; Fotos: Mar­i­ana Guimarães, Urias Fernandes

O Sim­pó­sio Inter­na­cional “Dois sécu­los de relações inter­amer­i­canas” teve iní­cio na tarde desta segunda-​feira, 16 de maio, no Auditório do Bloco “F” do Cam­pus do Gragoatá. O Prof. Dr. Thi­ago Rodrigues, Chefe do Depar­ta­mento de Estu­dos Estratégi­cos e Relações Inter­na­cionais do INEST, rep­re­sen­tando o Prof. Dr. Emérito Eurico de Lima Figueiredo, Dire­tor do Insti­tuto, agrade­ceu a pre­sença de todos os con­fer­encis­tas e assis­tentes, bem como cumpri­men­tou o Prof. Dr. Gabriel Pas­setti pela ini­cia­tiva e orga­ni­za­ção do Simpósio.

aIMG 4801

Em seguida, o Prof. Dr. Vágner Camilo Alves, Coor­de­nador do Pro­grama de Pós-​Graduação em Estu­dos Estratégi­cos da Defesa e da Segu­rança do INEST, tam­bém elo­giou a ini­cia­tiva e desta­cou apoio do Pro­grama de Pós-​Graduação ao evento, em face de sua relevância.

aIMG 4868

A Con­fer­ên­cia de Aber­tura do Sim­pó­sio foi pro­ferida pela Prof.ª Dr.ª Maria Ligia Coelho Prado, Emérita da Uni­ver­si­dade de São Paulo, que abor­dou o tema “Brasil e América Latina: prox­im­i­dades distantes”.

aIMG 4896

Finda essa con­fer­ên­cia e sua sessão de debates, foi for­mada a primeira Mesa Redonda do evento, sob a coor­de­nação do Prof. Dr. Vágner Camilo Alves, que ver­sou sobre o papel do EUA nas relações inter­amer­i­canas. A Mesa con­tou a fala do Prof. Dr. Fer­nando Luiz Vale Cas­tro, da Uni­ver­si­dade Fed­eral do Rio de Janeiro, que tra­tou do “Pan-​americanismo: entre a teo­ria e prática (18901940)”. Na sequên­cia, a Prof.ª Dr.ª Cecilia Azevedo, da Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense, abor­dou a temática do “Movi­mento de Sol­i­dariedade à América Cen­tral nos anos 1980”. E, con­cluindo os tra­bal­hos, o Prof. Dr. Roberto Moll, do Insti­tuto Fed­eral Flu­mi­nense, dis­cur­sou sobre “Os Esta­dos Unidos e a América Latina no iní­cio do século XXI: con­tinuidades, rup­turas e perspectivas”.

Após uma série de debates e ques­tion­a­men­tos, o Coor­de­nador da Mesa, antes de dar por encer­ra­dos os tra­bal­hos da jor­nada, agrade­ceu a par­tic­i­pação de todos e con­cedeu aos palestrantes, como marco de gratidão e recon­hec­i­mento, um Cer­ti­fi­cado de Participação.

Anais do I Encon­tro Brasileiro de Estu­dos Estratégi­cos

Orga­ni­zado pelos pro­fes­sores Eurico de Lima Figueiredo e Már­cio Rocha, os anais do I EBERI podem ser aces­sa­dos cli­cando na imagem abaixo:

Imagem1eberi

As Améri­cas são o tema de dois grandes encon­tros no INEST

No mês de Maio serão real­iza­dos dois impor­tantes even­tos no Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos da Uni­ver­si­dade Fed­eral Flu­mi­nense: o Sim­pó­sio Inter­na­cional Dois Sécu­los de Relações Inter­amer­i­canas e o VII Encon­tro Latino-​americano de Dire­ito Sociedade e Cul­tura (ELADISC).

O Sim­pó­sio Inter­na­cional, coor­de­nado pelo pro­fes­sor Gabriel Pas­setti, reune pesquisadores em diver­sas temáti­cas, per­fazendo grande painel das relações entre os países do con­ti­nente nos últi­mos 200 anos. O evento será real­izado no auditório do bloco F, entre os dias 16 e 18 de maio.

No dias 19 e 20, o Insti­tuto recebe o VII ELADISC. Coor­de­nado pelos pro­fes­sores Elian Araujo, Eurico de Lima Figueiredo, Fer­nando Roberto Almeida, Eduardo Scheidt, Eduardo Devés e Sér­gio Sant’Anna, o encon­tro visa fomen­tar a aprox­i­mação e o inter­câm­bio entre profis­sion­ais e acadêmi­cos da região.

Detal­hes sobre a pro­gra­mação e sobre as inscrições podem ser vis­tos no site www​.even​tos​doinest​.org

INEST Simposio Internacional Dois Séculos de Relações InteramericanasUntitled-1

Almi­rante Moura Neto visita o INEST

O Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos rece­beu nessa quinta-​feira, 21, a visita do almi­rante de esquadra Júlio Soares de Moura Neto, coman­dante da Mar­inha entre os anos de 2007 e 2015. A recepção con­tou com a par­tic­i­pação expres­siva de docentes do Instituto.
SAM 0701

Durante a visita, o dire­tor do INEST, prof. Eurico de Lima Figueiredo, apre­sen­tou ao ofi­cial gen­eral a estru­tura do sis­tema de ensino do Insti­tuto. Entre os temas abor­da­dos na reunião, estava a con­tinuidade da coop­er­ação do INEST com as esco­las de altos estu­dos mil­itares e com as demais instan­cias vin­cu­ladas ao min­istério da Defesa.
SAM 0683
Ao final, o almi­rante Moura Neto (na dire­ita da foto) rece­beu das mãos do dire­tor do INEST um diploma e uma placa alu­sivos ao encontro.

Resul­tado final mon­i­to­ria

ALUNOS APROVA­DOS PARA O PRO­GRAMA DE MON­I­TO­RIA 2016

POLÍTICA INTER­NA­CIONAL PÓS GUERRA FRIA
PEDRO HEN­RIQUE MIRANDA GOMES

HISTÓRIA DAS RELAÇÕES INTER­NA­CIONAIS I
LUCIO FLAVIO BORGES NETO

DIRE­ITO DAS RELAÇÕES INTER­NA­CIONAIS
ANDER­SON DE OLIVEIRA AMENDOLA

TEO­RIA DAS RELAÇOES INTER­NA­CIONAIS III

CARLA ESPAN­HOL

ESTU­DOS ESTRATÉGI­COS I

MAR­I­ANA ARAGÃO

Alexan­dre Fuc­cille, pres­i­dente da ABED, min­is­tra Aula Inau­gural

O pro­fes­sor Alexan­dre Fuc­cille min­istrou a Aula Inau­gural do Segundo Semes­tre de 2015 do Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos. A exposição teve como tema o papel do Con­selho de Defesa na Una­sul (CDS) no panorama regional. A apre­sen­tação con­tou com a pre­sença maciça dos alunos da grad­u­açao e da pós-​graduação.

aIMG 3936

Antes de ini­ciar a palestra, Fuc­cille, em nome da Asso­ci­ação Brasileira de Estu­dos de Defesa (ABED), ofer­e­ceu uma placa de agradec­i­mento ao Prof. Emérito Eurico de Lima Figueiredo, ex-​presidente da ABED e dire­tor do INEST.

aIMG 3948

Ao longo da sua apre­sen­tação, o palestrante fez um histórico sobre o CDS, expli­cando a falên­cia de ini­cia­ti­vas ante­ri­ores e desta­cando a importân­cia daquela orga­ni­za­ção no sen­tido de refle­tir uma arquite­tura autônoma de segu­rança regional da América do Sul. Ele tam­bém ressaltou os desafios e deman­das que o CDS tem para sua mel­hor insti­tu­cional­iza­ção e atu­ação plena nas crises regionais.

aIMG 3962a

Ao final de sua palestra, Fuc­cille rece­beu da aluna Ana Naitzel um diploma em memória e agradec­i­mento a sua apresentação.

aIMG 3979

Além de atual­mente pre­sidir a ABED, Fuc­cille é docente da Uni­ver­si­dade Estad­ual Paulista (UNESP) em Franca. Ele coor­dena o „Grupo de Estu­dos, Pesquisa e Sim­u­lação de Orga­ni­za­ções Inter­na­cionais” (GEPE­SOI) da UNESP. Foi pesquisador do Núcleo de Estu­dos Estratégicos/​NEE da UNI­CAMP (20002010), dire­tor do Depar­ta­mento de Política e Estraté­gia da Sec­re­taria de Política, Estraté­gia e Assun­tos Inter­na­cionais do Min­istério da Defesa/​MD (20032005) e con­sul­tor em Políti­cas Públi­cas (20052010).

Alunos sele­ciona­dos para a prova teórica de Mon­i­to­ria

Política Inter­na­cional Pós Guerra Fria

Agatha de Souza Lopes

Aline Assis Louzada

Han­nah Guedes de Souza

Pedro Hen­rique Miranda Gomes

Dire­ito das Relações Internacionais

Ander­son de Oliveira Amen­dola da Silva

Hyury Duarte Silva

Ste­fanie Maruqes da Silva

Viní­cius Pureza Cabral

História das Relações Internacionais

Lucio Flávio Borges Neto

Vic­to­ria Batis­tela Silva Rodrigues

Teo­ria das Relações Internacionais

Carla de Oliveira Espanhol

Thay­nan da Motta Men­donça de Oliveira

Estu­dos Estratégi­cos I

Mar­i­ana de Aragão

O exame será feito na sala René Drei­fuss às 13h e terá a duração de 45 minutos.

Aula Inau­gural do Segundo Semes­tre de 2015

Para se inscr­ever, clique na imagem.

Cartaz Aula Inaugural do INEST  2-2015

II SEVIM con­tará com Car­olina Lar­ri­era

Será real­izado entre os dias 24 e 27 de março, o II SeViM– Sér­gio Vieira de Mello Mod­elo de Nações Unidas (SeViM). Trata-​se de uma sim­u­lação das Nações Unidas. O nome, que des­igna a sim­u­lação e o Cen­tro Acadêmico dos alunos de Relações Inter­na­cionais, é uma hom­e­nagem ao brasileiro que foi chefe da mis­são das Nações Unidas no Iraque, morto em um aten­tado em Bagdá, em 2003.

A aber­tura esse ano, que será real­izada às 17h no auditório do bloco F, no Gragoatá, conta com a pre­sença de Car­olina Lar­ri­era, Fel­low no Hauser Cen­ter da Har­vard Uni­ver­sity e da Carr Cen­ter of Human Rights na Har­vard Kennedy School. Lar­ri­era foi com­pan­heira de Sér­gio Vieira de Mello e uma das sobre­viventes daquele atentado.

A mesa de aber­tura terá tam­bém a par­tic­i­pação do prof.Emérito Eurico de Lima Figueiredo, dire­tor do INEST, dos secretários-​gerais do SEVIM e dos rep­re­sen­tantes do Casvim.

Aula Inau­gural do Segundo Semes­tre de 2015

Para se inscr­ever, clique na imagem.

Cartaz Aula Inaugural do INEST  2-2015

Mon­i­to­ria 2016: Horário das entre­vis­tas

CAN­DIDATOS DO PROCESSO DE MONITORIA

ENTRE­VIS­TAS

Obs:Todas as entre­vis­tas serão real­izadas no dia 22

Política Inter­na­cional Pós-​Guerra Fria

Horário 13 h – Sala René Dreifuss

AGATHA DE SOUZA LOPES

ALINE ASSIS LOUZADA

HAN­NAH GUEDES DE SOUZA

PEDRO HEN­RIQUE MIRANDA GOMES

VIC­TOR POUGY MAGALHAES

Dire­ito das Relações Internacionais

Horário 13:30h – Sala René Dreifuss

ANDER­SON DE OLIVEIRA AMEN­DOLA DA SILVA

HYURY DUARTE SILVA

STE­FANIE MAR­QUES DA SILVA

VIC­TOR POUGY MAGALHAES

VINI­CIUS PUREZA CABRAL

História das Relações Internacionais

Horário 14:00 h – Sala René Dreifuss

LUCIO FLAVIO BORGES NETO

VIC­TOR MEDEIROS DIVINO SECUNDINO

VIC­TOR POUGY MAGALHAES

VIC­TO­RIA BATIS­TELA SILVA RODRIGUES

YAS­MIN SUELI DO NASCI­MENTO RAINHA

Teo­ria da Relações Inter­na­cionais III

Horário 14:30 h – Sala René Dreifuss

CARLA DE OLIVEIRA ESPANHOL

THAY­NAN DA MOTTA MEN­DONCA OLIVEIRA

VIC­TOR POUGY MAGALHAES

Estu­dos Estratégi­cos I

Horário 14:45 h – Sala René Dreifuss

MAR­I­ANNA ARAGÃO

Embaix­ador Samuel Pin­heiro Guimaraes min­is­tra aula sobre a Política Externa do gov­erno Lula

O embaix­ador Samuel Pin­heiro Guimarães, pro­fes­sor vis­i­tante do INEST-​UFF, pro­feriu aula sobre a política externa do gov­erno Lula. O encon­tro, orga­ni­zado pelo Pro­grama de Pós Grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos (PPGEST), reuniu docentes, alunos e ex-​alunos do mestrado em Estu­dos Estratégi­cos e da grad­u­ação em Relações Internacionais.

Em sua fala, o embaix­ador fez um giro, pon­tuando os prin­ci­pais assun­tos da política inter­na­cional con­tem­porânea e os rela­cio­nou com a política externa do gov­erno Lula.

Samuel Pin­heiro Guimarães é autor, den­tre out­ras pub­li­cações, da obra Desafios do Brasil na era dos gigantes, vence­dora do prêmio Jabuti em 2006.

A nova matriz eco­nom­ica é tema de debate

12476387 10208687023923967 1269402314 n 1

INEST pre­mia mel­hor dis­ser­tação e mel­hor mono­grafia de 2014

Por Gilson Carvalho

Na mesma ocasião foram pre­mi­a­dos os alunos de grad­u­ação e pós-​graduação que pro­duzi­ram os mel­hores tra­bal­hos acadêmi­cos em 2014: Luiz Otávio Ribeiro Mon­teiro Junior, que rece­beu o prêmio René Drei­fuss por sua dis­ser­tação de mestrado inti­t­u­lada “A cruz e a espada con­tra a foice e o martelo: anti­co­mu­nismo católico e mil­i­tar no Brasil (19171945)”, e Fer­nanda Olívia Lázaro Car­valho, agra­ci­ada com o Prêmio Valdimir Pirró e Longo por sua mono­grafia “As agên­cias inter­na­cionais de notí­cias e as insur­reições no mundo árabe: um estudo a par­tir da cober­tura do con­flito líbio pela imprensa brasileira”.

Ambos foram ori­en­ta­dos pelo pro­fes­sor Adri­ano de Freixo. A comis­são avali­adora do mestrado foi for­mada pelos pro­fes­sores Fer­nando Almeida, Gabriel Pas­setti e Már­cio Rocha, e a da grad­u­ação pelos pro­fes­sores Adri­ano de Freixo, Fer­nando Almeida e Thi­ago Rodrigues.

2015.12.03-LUIZ-OTAVIO01

Luiz Otávio e o prof. Fer­nando Roberto de Fre­itas Almeida

2015.12.03-FERNANDA02

Fer­nanda Olívia Lázaro com o prof. Waldimir Pirró e Longo

Luiz Otávio disse que estava feliz pelo recon­hec­i­mento, prin­ci­pal­mente porque todos os tra­bal­hos de sua turma de mestrado eram de exce­lente nível. Já Fer­nanda afir­mou que o fato de rece­ber o prêmio das mãos do próprio pro­fes­sor Pirró e Longo tornou a ocasião ainda mais especial.

INEST e King´s Col­lege de Lon­dres for­mal­izam entendi­mento

Na última quinta-​feira, 10 de março, o Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos e o King´s Col­lege de Lon­dres for­malizaram o mem­o­rando de entendi­mento entre as duas insti­tu­ições de ensino. Trata-​se de impor­tante passo para a for­mação de pro­gra­mas de inter­câm­bio que poderão ser ofer­e­ci­dos a dis­centes e docentes.

Por parte do King´s Col­lege, a reunião con­tou com a pre­sença dos pro­fes­sores Viní­cius Mar­i­ano de Car­valho, do Brazil Insti­tute, e Kieran Mit­ton, do depar­ta­mento de Estu­dos sobre a Guerra. Após terem visto uma breve apre­sen­tação sobre o INEST, os vis­i­tantes comen­taram sobre as ativi­dades real­izadas pela insti­tu­ição britânica.

Entre os docentes do INEST, além do dire­tor, pro­fes­sor emérito Eurico de Lima Figueiredo, estavam pre­sentes os pro­fes­sores Eduardo Heleno, Fer­nando Roberto de Fre­tas Almeida, Luiz Pedone, Miguel Dhenin, Thi­ago Rodrigues, Vagner Camilo Alves e Vic­tor Chaves Gomes. Par­tic­i­param tam­bém alunos da pós grad­u­ação em Estu­dos Estratégi­cos e da grad­u­ação em Relações Internacionais.

Pro­fes­sor Brick recebe hom­e­nagem

Texto e fotos: Por Gilson Carvalho

O pro­fes­sor tit­u­lar Eduardo Siqueira Brick rece­beu, no dia 3 de dezem­bro, hom­e­nagem do Insti­tuto de Estu­dos Estratégi­cos (INEST), por sua con­tribuição ao Insti­tuto e ao Pro­grama de Pós-​Graduação em Estu­dos Estratégi­cos da Defesa e Segu­rança (PPGEST), do qual foi o primeiro coordenador.

Brick é grad­u­ado em Ciên­cias Navais pela Escola Naval (1965) tendo chegado ao posto de Capitão-​de-​Mar-​e-​Guerra, grad­u­ado em Engen­haria Eletrônica pela PUC/​RJ (1971), Mestre em Engen­haria Elétrica e Tele­co­mu­ni­cações pela US Naval Post­grad­u­ate School (1974) e Doutor em Engen­haria de Sis­temas pela mesma insti­tu­ição. No PPGEST, con­cen­tra seus inter­esses nas relações entre ciên­cia, tec­nolo­gia e indús­tria de defesa. O pro­fes­sor foi o cri­ador da primeira ver­são do site do INEST e seu primeiro editor.

Em seus agradec­i­men­tos, afir­mou que ao longo de sua vida sem­pre procurou fazer o que acred­ita e por isso, obteve como retorno muita sat­is­fação pes­soal. Para ele, a cri­ação do INEST preencheu uma lacuna no cenário acadêmico brasileiro, mas ainda busca out­ros desafios, como a cri­ação de um think tank no Rio de Janeiro e a colab­o­ração com out­ros pro­gra­mas de pós-​graduação do país.rnou a ocasião ainda mais especial.

2015.12.03-BRICK01

Os pro­fess­sores tit­u­lares Eurico de Lima Figueiredo e Eduardo Brick.

Edi­tais de mon­i­to­ria

A Coor­de­nação de Mon­i­to­ria do Depar­ta­mento de Relações Inter­na­cionais e Estu­dos Estratégi­cos informa que estão disponíveis os edi­tais de mon­i­to­ria para o ano de 2016.

Serão ao todo cinco vagas, das quais qua­tro são remu­ner­adas e uma é voluntária.

Seguem abaixo os editais.

Edi­tal 01 — Política Inter­na­cional Pós Guerra Fria - (01 Vaga Remunerada)

Edi­tal 02 — Dire­ito das Relações Inter­na­cionais - (01 Vaga Remunerada)

Edi­tal 03– Estu­dos Estratégi­cos - (01 Vaga Voluntária)

Edi­tal 04 — História das Relações Inter­na­cionais — (01 Vaga Remunerada)

Edi­tal 05 — Teo­ria das Relações Inter­na­cionais III — (01 Vaga Remunerada)

As inscrições podem ser feitas no site http://​sis​temas​.uff​.br/​m​o​n​i​t​o​r​i​a

Política externa do gov­erno Lula é tema de palestra

palestra- samuel pg - inest uff

Sub-​categorias

Editor-​Chefe: Prof. Eurico de Lima Figueiredo — Editor-​Executivo: Prof. Eduardo Heleno
Copy­right © 20122016 Por­tal do INEST. Todos os dire­itos reser­va­dos. Site elab­o­rado pela equipe WebPortais/​NTI e INEST